Logo Movimento Limpeza Consciente
Uma iniciativa:
Logo Abipla Sipla

Mitos e Verdades

Saiba o que procede e não procede no setor

1. Produtos de limpeza utilizados corretamente economizam água e energia?
Sim, o uso de produtos de limpeza de maneira correta, ou seja, conforme indicação do fabricante, permite a economia do uso de recursos naturais. Um estudo europeu demonstrou que usando corretamente detergente em pó na máquina de lavar bem como usar a carga adequada é possível economizar 700 milhões de litros de água por dia naquele continente.

2. Detergentes em pó poluem as águas?
Não. Há estudos realizados por Universidades brasileiras que demonstram que a quantidade de fosfatos e tensoativos, presentes nos detergentes estão em quantidade muito pequena que não provocam eutrofização ou geram espumas. Os tensoativos aniônicos, ativos utilizados nos detergentes, são biodegradáveis por exigência legal. Já a quantidade de fosfato em detergente em pó é limitada por legislação ambiental específica.

3. As espumas de Pirapora são causadas por produtos de limpeza?
Não, as espumas são causadas por diversos fatores que se somam, inclusive pela queda da água que provoca agitação das águas e por proteínas, presente nos rios. Se observar bem será possível perceber que a espuma dos rios assemelha-se a clara de ovo (proteína) batida em neve.

4. Álcool é proibido pela Anvisa?
A única graduação considerada segura pela ANVISA para o álcool de uso doméstico é 54ºGL. Produtos com graduação superior a esta devem ser comercializados apenas em formulações em gel.

5. Limpa forno é perigoso?
Depende da formulação. Alguns produtos limpa forno, não registrados na Agência Nacional de Vigilância Sanitária, utilizam ingredientes proibidos, que podem causar sérias lesões na pessoa que está utilizando.
Por isto, procure sempre produtos regularizados na ANVISA e leia o rótulo dos produtos, seguindo todas as recomendações dos fabricantes.


6. Produtos de limpeza causam alergias?
As alergias são causadas devido a sensibilidade específica da pessoa. Algumas alergias são desenvolvidas com o tempo, por causa da exposição a determinados agentes. Assim, algumas pessoas, mais sensíveis, podem ter alergia a determinados produtos de limpeza. Para estas pessoas o ideal é não se expor ao produto e buscar outra marca, pois as formulações são diferentes e pode existir um que não inicie a reação alérgica.

7. Aqueles produtos vendidos em caminhões e casas é tão bom quanto os produtos vendidos nos supermercados?
Não. Estes produtos comercializados em caminhões e casas são chamados de informais. Sua fabricação e comercialização são irregulares, ou seja, sem a aprovação da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) e não seguem padrões de qualidade, que garantem a eficácia e segurança dos produtos durante o seu uso e ainda prejudicam o meio ambiente. Para saber mais sobre Informalidade, acesse aqui.

8. Posso usar alvejante para desinfetar frutas e legumes?
Não. Os produtos alvejantes podem ser utilizados na desinfecção de ambientes e na lavagem de roupas. É proibida por lei sua indicação para desinfetar frutas e legumes, ficando a cabo da água sanitária tal função.

9. Qual a diferença entre água sanitária e alvejante ou desinfetante com cloro?
A água sanitária e o alvejante possuem o mesmo teor ativo de cloro em sua formulação. A principal diferença entre esses produtos é que a água sanitária não pode ter tensoativos, corantes e fragrâncias, o que é permitido no alvejante. Já o desinfetante com cloro não possui limitação de teor ativo de cloro e, como o alvejante, pode ter tensoativos, corantes e fragrâncias. Em dose única podem haver alvejantes concentrados.

10. Posso misturar produtos de limpeza, um com outro?
Não. Os produtos de limpeza são produzidos para serem utilizados individualmente, sem nenhuma associação. Por serem produtos químicos, misturá-los pode gerar um novo produto que poderá ser altamente prejudicial ao ser humano, por exemplo, um gás tóxico ou uma reação que libere grande quantidade de calor e venha a causar queimaduras.

11. Produtos com cloro, como água sanitária, mancham as roupas?
Dependerá das características da peça de roupa e da quantidade utilizada de produto com cloro. Para evitar manchas, verifique sempre as informações nas etiquetas das roupas, pois em algumas peças não é recomendado utilizar estes produtos.

12. Água sanitária deixa a roupa branca amarelada?
A água sanitária pode ser utilizada no processo de branqueamento de roupas. Para que as peças não fiquem amareladas, o modo de uso indicado pelo fabricante e que está contido no rótulo desses produtos deve ser seguido. Não esqueça de observar as informações da etiqueta das roupas, sempre que houver este símbolo não utilize água sanitária, alvejante com cloro ou outros produtos clorados.


Movimento Limpeza Consciente
Todos os direitos reservados ®
Uma iniciativa Abipla/Sipla
www.limpezaconsciente.org.br